terça-feira, 24 de maio de 2016

Amor colegial



Como eu queria
Amar você sem medo,
Relembrar a minha solidão sem saudade,
Lamentar sem voltar a minha angustia,
Ouvir o canto dos pássaros
Sem chorar.

Amo você sem maldade,
Dou-me por inteira sem saudade,
Relembrando com tristeza aquela partida
Infinita e sem vida,
Aqui no presente acaricio o seu retrato,
No qual você está
Orgulhoso e triunfante.

Morre em meu pensamento
Outro dia sem que o tempo
Nunca mais encontrei,
Triste vivo a chorar
E passo a vida toda a pensar
Indagando aquela partida,
Rápida como o vento
Ou triste como eu.

De repente
A saudade volta...
Suave, linda e triste.
Imagino como se fosse realidade
Lírica e com saudade,
Vou ao seu encontro
Amando-o sem consolo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário